P.A.M. – Património, Artes e Museus

Início » culture » Realizador Edgar Pêra inaugura hoje exposição de fotos 3D inspirada em Pessoa

Realizador Edgar Pêra inaugura hoje exposição de fotos 3D inspirada em Pessoa


Via

Após a estreia, a 11 de Fevereiro, do filme «Lisbon Revisited», a Casa da Liberdade – Mário Cesariny inaugura no dia 17 de Fevereiro, a partir das 18h, a 1ª exposição de fotografia anaglífica de Edgar Pêra, notável cineasta e artista plástico português.

“Lisboa Revistada – Photo-Liturgya Lisboeta & Kino-Exorcismo Pessoano”, é a mostra que marca a incursão de Edgar Pêra no universo das artes plásticas, aqui tendo por suporte a fotografia em formato 3D.

Sob o manto fantasmático de Fernando Pessoa, o autor convida-nos a embarcar numa viagem onírica, entre a arte de ver, de sentir e o vício de pensar.
“Pensar é estar doente dos olhos” escrevia outrora, Alberto Caeiro, o mais sensorial dos heterónimos Pessoanos e é precisamente através dessa “doença” que esta exposição vive, mostrando formas alternativas de ver, de sentir a cidade e de (re)ler Fernando Pessoa.

Nesta mostra, Edgar Pêra expressa a profunda afinidade que sempre declarou encontrar entre a sua obra cinematográfica e as artes plásticas, sem esquecer a literatura e, de forma muito particular, a fotografia que aqui assume como suporte narrativo exclusivo, dando-lhe contornos tridimensionais através da construção imagética com recurso à técnica anaglífica.

Uma instalação 3D digital e um conjunto de 40 fotografias, concebidas para serem observadas em 2D (numa primeira leitura) e em 3D, graças aos óculos anaglíficos, compõem uma exposição simultaneamente inédita, pelos recursos utilizados, e coerente com o percurso visual e artístico do autor.

Através destas obras, imergimos numa cidade sensorial, numa “Lisboa Revisitada” com visões estereoscópicas dos seus espaços verdes, momentos congelados, esculturas temporais, figuras trans-humanas e várias leituras possíveis de uma cidade em permanente reconfiguração onde os caminhantes têm, invariavelmente, de sopesar a carga onírica dos espaços silenciados entre a penumbra e o desejo que o olhar de Edgar Pêra soube magistralmente captar e devolver-nos, de forma amplificada (e anaglífica).

Patente até 12 de Março | HORÁRIO: 2ª feira a Sábado, das 14h às 20h | Entrada Livre | LOCALIZAÇÃO: mapa

Curadoria: Carlos Cabral Nunes

 

>> Clique para ver:Catálogo | Obras do Autor | Imagens em Alta Resolução

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: