P.A.M. – Património, Artes e Museus

Início » cultura » Valter Hugo Mãe é escritor residente em universidade dos Estados Unidos

Valter Hugo Mãe é escritor residente em universidade dos Estados Unidos


Via

O escritor Valter Hugo Mãe será o escritor residente do programa de português da Universidade de Massachusetts de Lowell, nos Estados Unidos, este outono.

O autor de “A máquina de fazer espanhóis” e vencedor do prémio José Saramago estará integrado no Centro Pedroso-Saab para Estudos Portugueses e Culturais, com o apoio da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento.

“Valter Hugo Mãe fará palestras em parceria com o Centro Jack e Stella Kerouac Center para as Humanidades, o Departamento de Inglês, e o Departamento de Línguas do Mundo”, e irá “visitar outras universidades da Nova Inglaterra, incluindo a Universidade de Massachusetts de Boston”, explicou a instituição de ensino, em comunicado.

A universidade apresenta o autor português dizendo que “a sua multifacetada carreira inclui muitos livros e, além de ser o autor das letras para quatro álbuns da banda pop portuguesa Governo, [Hugo Mãe] é ainda um artista com trabalhos exibidos em importantes galerias portuguesas, um crítico cultural, um colunista para dois grandes jornais portugueses (Jornal de Letras e Público), e o apresentador de um programa de televisão dedicado à literatura e à cultura”.

Valter Hugo Mãe, 44 anos, é um dos mais destacados autores portugueses da actualidade, com mais de três dezenas de títulos publicados, entre poesia, romance, literatura para crianças e outras publicações.

Segundo a editora do escritor, a sua obra está traduzida em várias línguas e tem particular acolhimento em países como o Brasil, a Alemanha, Espanha, França ou Croácia.

Publicou seis romances: “A desumanização”, “O filho de mil homens”, “a máquina de fazer espanhóis” (Grande Prémio Portugal Telecom Melhor Livro do Ano e Prémio Portugal Telecom Melhor Romance do Ano), “O apocalipse dos trabalhadores”, “o remorso de baltazar serapião” (Prémio Literário José Saramago) e “o nosso reino”.

Hugo Mãe sucede assim à escritora e jornalista Filipa Melo, que, no ano passado, foi a primeira autora escolhida para este programa.

Entre as actividades desenvolvidas por Filipa Melo, esteve, por exemplo, uma palestra com o tema “Whitman e Pessoa, Irmãos no Universo”.

A universidade de Massachusetts de Lowell está também a convidar uma série de professores, durante três anos, para ajudar a construir uma licenciatura em português.

O programa teve início na primavera de 2015, com Ana Valdez, investigadora do Centro de História da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, que está a realizar um pós-doutoramento na Universidade de Yale.

O novo programa de estudos portugueses é apoiado pela Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento e o Centro Saab-Pedroso para os Estudos Portugueses e Culturais.

Este centro, dirigido pelo professor Frank F. Sousa, foi estabelecido no ano passado e tornado possível graças aos contributos de Luís Pedroso e do casal Mark e Elisia Saab, empresários de origem portuguesa, que doaram cerca de 850 mil dólares (660 mil euros) para o projecto.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: