P.A.M. – Património, Artes e Museus

Início » ciencia » “A Viagem de Darwin” no Parque dos Poetas

“A Viagem de Darwin” no Parque dos Poetas


Via

Até final de Setembro, o espaço Templo da Poesia, no Parque dos Poetas, em Oeiras, mostra “A Viagem de Darwin”, exposição que Darwin fez, entre 1831 e 1836, a bordo do navio HMS Beagle cuja influência no seu trabalho foi determinante para a biologia moderna.

Pontuada por excertos dos poemas que Ruth Padel escreveu sobre a vida e a obra do seu trisavô, “A Viagem de Darwin” ilustra a expedição realizada pelo naturalista entre Dezembro de 1831 e Outubro de 1836 e que visava o levantamento cartográfico da América do Sul. Uma viagem que permitiu ao jovem britânico, então com 22 anos, conhecer e explorar novos territórios, estudando em detalhe as respectivas faunas, floras e geologias.

As observações que Darwin minuciosamente anotou e as colecções de espécimes que construiu e enviou para Londres para serem alvo de estudo posterior, foram determinantes para a produção da vasta obra que esteve na base do pensamento científico moderno.

A exposição pode ser visitada de terça a domingo no Templo da Poesia, situado no Parque dos Poetas, espaço de 22,5 hectares situado no concelho de Oeiras onde a história da poesia em Língua Portuguesa é contada pelas esculturas e pelos jardins.

Através de 60 dos mais representativos poetas e/ou obras homenageia-se a poesia portuguesa desde a fundação da nacionalidade até ao séc. XX, incluindo a dos países e territórios de expressão oficial portuguesa, e pela visão de 40 dos mais significativos escultores do nosso tempo do espaço lusófono, em obras de diversas correntes estéticas da expressão escultórica.

Ao campo de futebol, à fonte cibernética, à Gruta de Camões, à Ilha dos Amores – esta com o seu labirinto – e ao Anfiteatro Almeida Garrett, acrescenta-se o Templo da Poesia, espaço coberto, polivalente, destinado “ao acolhimento de eventos e de manifestações culturais diversas”, sendo “A Viagem de Darwin” a primeira proposta para uma visita a uma das áreas do “único museu ao ar livre de arte escultórica em Portugal e o maior da Europa”.

Templo da Poesia, Parque dos Poetas, Oeiras, de 18 de Julho a 30 de Setembro de 2015

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: